Arquivo de tag saber

Seguro de Automóvel – São Paulo – SP

Seguro de Automóvel – São Paulo – SP. O que você precisa saber antes de contratar. Ao adquirir um seguro para Automóvel, você precisará responder um questionário de avaliação de risco, com informações do perfil do segurado e condutor, estas informações são passadas ao corretor de seguros que insere os dados no sistema de cálculo de seguro auto da seguradora. As Cias de seguros de automóveis precisam destas informações para calcular o preço do seguro auto, que é personalizado para cada cliente, leva-se em consideração a região onde o cliente mora, CEP de pernoite , modelo do veículo, idade do condutor e modo de utilização, sendo que quando o veículo é utilizado para fins comerciais, como visitas a clientes e fornecedores o preço dos seguro auto é agravado, bem como nos casos onde os condutores tem idade entre 18 a 26 anos.

Existem produtos específicos para o público jovem, na Porto Seguro Auto, por exemplo, foi criado o produto Seguro auto Jovem que concede um desconto especial de 30% e o parcelamento em até 10x sem juros no cartão Porto Seguro Visa, mas para isso o jovem cliente deve concordar em participar de cursos gratuitos de direção defensiva e emocional; além de conduzir o veículo a uma velocidade máxima de 90km, controlada pelo rastreador da Seguradora, que também é fornecido e instalado gratuitamente. Estatísticas mostram que os jovens são menos cautelosos ao dirigir e também usam o carro com maior frequência nas noites e madrugadas e são os que
mais se envolvem em acidentes de trânsito provocados por
desobediência aos sinais de trânsito, dirigem alcoolizados e em
alta velocidade. Depois dos 26 anos e principalmente com mais
de 30 anos e casados, passam a ser mais cuidadosos. Para as mulheres existe o produto Seguro Auto Mulher, comercializado pela Sulamérica e pela Porto Seguro com condições e benefícios especiais, devido as mulheres darem menos prejuízo às seguradoras. Os casados, sejam homens ou mulheres, tem vantagens sobre os solteiros, na hora de fazer o seguro do veículo, porque são considerados mais responsáveis. Se você tem filhos com idade entre 18 a 24 anos, não deixe de declarar na proposta de seguro, nunca oculte esta informação,
porque no caso de precisar de indenização em um eventual
acidente ou roubo/ furto; a seguradora fará uma vai investigação para apurar os fatos e saberá, se for o caso, que não
era o segurado que estava dirigindo o veículo e sim o seu filho(a). Isso poderá acarretar na negativa de pagamento da indenização do seguro.

Seguro de Automóvel – São Paulo – SP. Devido ao alto índice de roubo de veículos que as grandes cidades apresentam, os seguros são calculados com valor mais alto principalmente em Belo Horizonte, Rio de Janeiro , São Paulo e cidades que fazem fronteira com o Paraguai e Bolívia, destino de grande parte dos veículos roubados e ou furtados no território brasileiro. Cidades do interior de São Paulo, como Ribeirão Preto,  Bauru, Marilia, Arujá, Hortolândia, Rio Claro, São Carlos, costumam ter índices menores de roubo e furtos de veículos; consequentemente o seguro auto fica mais barato.

Portanto, a análise de vários desses fatores é que vai levar ao preço que você pagará pelo seu seguro auto. E o tempo que você tem de carteira de motorista e sem pontuação, também conta a seu favor. Consulte um corretor de seguros da Resicór Corretora e faça uma simulação nas seguradoras: Porto Seguro, Azul Seguros, Liberty, Allianz, Mapfre, Sulamérica, Generali, Chubb, Yasuda Marítima, Bradesco, Itaú Seguros e outras seguradoras automotivas.

seguradoras

Seguradoras

O seguro funciona com o principio da mutualidade, como se fosse um grande consórcio, onde todos pagam e o dinheiro é revertido para aqueles que precisam utilizá-lo, garantindo a todos os participantes a reposição do patrimônio.

Seguro Automóvel – O que você precisa saber.

Seguro Automóvel – O que você precisa saber antes de contratar. Ao adquirir um seguro para Automóvel, você precisará responder um questionário de avaliação de risco, com informações do perfil do segurado e condutor, estas informações são passadas ao corretor de seguros que insere os dados no sistema de cálculo de seguro auto da seguradora. As Cias de seguros de automóveis precisam destas informações para calcular o preço do seguro auto, que é personalizado para cada cliente, leva-se em consideração a região onde o cliente mora, CEP de pernoite , modelo do veículo, idade do condutor e modo de utilização, sendo que quando o veículo é utilizado para fins comerciais, como visitas a clientes e fornecedores o preço dos seguro auto é agravado, bem como nos casos onde os condutores tem idade entre 18 a 26 anos.

Existem produtos específicos para o público jovem, na Porto Seguro Auto, por exemplo, foi criado o produto Seguro auto Jovem que concede um desconto especial de 30% e o parcelamento em até 10x sem juros no cartão Porto Seguro Visa, mas para isso o jovem cliente deve concordar em participar de cursos gratuitos de direção defensiva e emocional; além de conduzir o veículo a uma velocidade máxima de 90km, controlada pelo rastreador da Seguradora, que também é fornecido e instalado gratuitamente. Estatísticas mostram que os jovens são menos cautelosos ao dirigir e também usam o carro com maior frequência nas noites e madrugadas e são os que
mais se envolvem em acidentes de trânsito provocados por
desobediência aos sinais de trânsito, dirigem alcoolizados e em
alta velocidade. Depois dos 26 anos e principalmente com mais
de 30 anos e casados, passam a ser mais cuidadosos. Para as mulheres existe o produto Seguro Auto Mulher, comercializado pela Sulamérica e pela Porto Seguro com condições e benefícios especiais, devido as mulheres darem menos prejuízo às seguradoras. Os casados, sejam homens ou mulheres, tem vantagens sobre os solteiros, na hora de fazer o seguro do veículo, porque são considerados mais responsáveis. Se você tem filhos com idade entre 18 a 24 anos, não deixe de declarar na proposta de seguro, nunca oculte esta informação,
porque no caso de precisar de indenização em um eventual
acidente ou roubo/ furto; a seguradora fará uma vai investigação para apurar os fatos e saberá, se for o caso, que não
era o segurado que estava dirigindo o veículo e sim o seu filho(a). Isso poderá acarretar na negativa de pagamento da indenização do seguro.

Devido ao alto índice de roubo de veículos que as grandes cidades apresentam, os seguros são calculados com valor mais alto principalmente em Belo Horizonte, Rio de Janeiro , São Paulo e cidades que fazem fronteira com o Paraguai e Bolívia, destino de grande parte dos veículos roubados e ou furtados no território brasileiro. Cidades do interior de São Paulo, como Ribeirão Preto,  Bauru, Marilia, Arujá, Hortolândia, Rio Claro, São Carlos, costumam ter índices menores de roubo e furtos de veículos; consequentemente o seguro auto fica mais barato.

Portanto, a análise de vários desses fatores é que vai levar ao
preço que você pagará pelo seu seguro auto. E o tempo que você
tem de carteira de motorista e sem pontuação, também conta a seu favor. Consulte um corretor de seguros da Resicór Corretora e faça uma simulação nas seguradoras: Porto Seguro, Azul Seguros, Liberty, Allianz, Mapfre, Sulamérica, Generali, Chubb, Yasuda Marítima, Bradesco, Itaú Seguros e outras seguradoras automotivas.
O seguro funciona com o principio da mutualidade, como se fosse um grande consórcio, onde todos pagam e o dinheiro é revertido para aqueles que precisam utilizá-lo, garantindo a todos os participantes a reposição do patrimônio.

O que tenho que saber antes de contratar um seguro para Automóvel?

O que tenho que saber antes de contratar um seguro para Automóvel?

 

O que tenho que saber sobre a seguradora?

É necessário saber se o corretor e a seguradora possuem registro na SUSEP (Superintendência de Seguros Privados). Para isso basta entrar em contato no telefone 0800-218484. A SUSEP é o orgão responsável pelo controle e fiscalização do mercado de seguros. Se o negócio for feito com um corretor independente, procure anotar o nome completo do contato, CPF e Registro no SUSEP para fazer uma consulta na – FENACOR – Federação Nacional dos Corretores de Seguros Privados, se o corretor recusar informar os documentos, não feche o negócio. É interessante fazer uma consulta ao cadastro de reclamações fundamentadas do PROCON no telefone 151, que abrange todo o território nacional. Além de ler com atenção o contrato antes de assiná-lo. Anote todos os pontos de difícil compreensão e procure um posto do PROCON ou um advogado que possa auxiliá-lo na compreensão, se necessário. É muito importante avaliar mais de uma empresa e optar pela que mais atende suas necessidades.

O que saber sobre Franquia?

Franquia é o valor pago pelo segurado no caso de danos parciais, ou seja, é o valor que deve ser pago pelo segurado quando os prejuízos do veículo forem inferiores a 75% do seu valor médio. A franquia só deve ser cobrada quando o veículo do segurado e, em alguns casos, veículos de terceiros tiverem que ser consertados. No caso de perda total, roubo e furto o segurado fica isento do pagamento da franquia.

O valor da franquia é definido com base no valor do veículo, tendo o segurado total autonomia para alterar o valor proposto pela seguradora. Quanto maior o valor da franquia, menor o valor do seguro e assim sucessivamente.

E Prêmio?

É o preço do seguro. O valor que o segurado deve pagar pelo serviço. Ele é calculado com base no perfil do segurado, prazo do seguro, no valor segurado e na exposição do veículo a risco.
Quais são as Modalidades de Seguro?

Desde de 2000 as seguradoras são obrigadas a oferecer entre duas modalidades da cláusula indenizatória de perda total do automóvel. São elas: Valor Determinado ou Valor de Mercado Referenciado.

Valor Determinado

É quando o valor a ser pago, no caso de perda total, é o combinado na assinatura do contrato, não havendo variação ou qualquer tipo de consulta. Essa modalidade, geralmente, é mais cara, porém o segurado receberá a quantia equivalente a da compra do veículo.

Valor de Mercado

É a garantia do pagamento do veículo com base no valor médio de mercado. Ou seja, no caso de perda total, furto, roubo do veículo a seguradora consultará tabelas de preço de publicações especializadas, exemplo FIPE, para verificar o valor médio do carro, respeitando a data do incidente. Essa é a modalidade mais popular por causa do seu valor reduzido. As seguradoras mantêm uma taxa específica para cada categoria de automóvel, que incide sobre o seu valor e varia conforme e região.

O que você deve saber antes de contratar um seguro para veículo?

O que você deve saber antes de contratar um seguro para veículo?

É necessário saber se o corretor e a seguradora possuem registro na SUSEP (Superintendência de Seguros Privados). Para isso basta entrar em contato no telefone 0800-218484. A SUSEP é o orgão responsável pelo controle e fiscalização do mercado de seguros. Se o negócio for feito com um corretor independente, procure anotar o nome completo do contato, CPF e Registro no SUSEP para fazer uma consulta na – FENACOR – Federação Nacional dos Corretores de Seguros Privados, se o corretor recusar informar os documentos, não feche o negócio. É interessante fazer uma consulta ao cadastro de reclamações fundamentadas do PROCON no telefone 151, que abrange todo o território nacional. Além de ler com atenção o contrato antes de assiná-lo. Anote todos os pontos de difícil compreensão e procure um posto do PROCON ou um advogado que possa auxiliá-lo na compreensão, se necessário. É muito importante avaliar mais de uma empresa e optar pela que mais atende suas necessidades.

O que saber sobre Franquia?

Franquia é o valor pago pelo segurado no caso de danos parciais, ou seja, é o valor que deve ser pago pelo segurado quando os prejuízos do veículo forem inferiores a 75% do seu valor médio. A franquia só deve ser cobrada quando o veículo do segurado e, em alguns casos, veículos de terceiros tiverem que ser consertados. No caso de perda total, roubo e furto o segurado fica isento do pagamento da franquia.

O valor da franquia é definido com base no valor do veículo, tendo o segurado total autonomia para alterar o valor proposto pela seguradora. Quanto maior o valor da franquia, menor o valor do seguro e assim sucessivamente.

E Prêmio?

É o preço do seguro. O valor que o segurado deve pagar pelo serviço. Ele é calculado com base no perfil do segurado, prazo do seguro, no valor segurado e na exposição do veículo a risco.
Quais são as Modalidades de Seguro?

Desde de 2000 as seguradoras são obrigadas a oferecer entre duas modalidades da cláusula indenizatória de perda total do automóvel. São elas: Valor Determinado ou Valor de Mercado Referenciado.

Valor Determinado

É quando o valor a ser pago, no caso de perda total, é o combinado na assinatura do contrato, não havendo variação ou qualquer tipo de consulta. Essa modalidade, geralmente, é mais cara, porém o segurado receberá a quantia equivalente a da compra do veículo.

Valor de Mercado

É a garantia do pagamento do veículo com base no valor médio de mercado. Ou seja, no caso de perda total, furto, roubo do veículo a seguradora consultará tabelas de preço de publicações especializadas, exemplo FIPE, para verificar o valor médio do carro, respeitando a data do incidente. Essa é a modalidade mais popular por causa do seu valor reduzido. As seguradoras mantêm uma taxa específica para cada categoria de automóvel, que incide sobre o seu valor e varia conforme e região.

O que é o IPVA?

Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores – IPVA – é um imposto estadual obrigatório cuja alíquota varia a cada estado, de 1% a 6% do valor total do automotor. Anual, o IPVA é cobrado de proprietários de automóveis, motocicletas, aeronave e embarcações. Sua receita é dividida entre o Estado (50%) e o Município (50%) onde o veículo é registrado, e destina-se, segundo a Secretaria da Fazenda, ao financiamento de serviços básicos de que a população necessita, tais como: saúde, educação, segurança, transporte etc. O Estado divide o pagamento do imposto em até três vezes, com a opção de 3,0% de desconto para o pagamento a vista. Após o vencimento da primeira parcela ou da cota única com desconto, o contribuinte não poderá parcelar ou efetuar o pagamento com desconto. Caso o contribuinte atrase o pagamento das demais parcelas ou da cota única sem desconto, estará sujeito à multa de 20% e juros de mora calculados pela variação da taxa selic.

Quem está isento do IPVA?

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores é obrigatório, porém segue abaixo a relação dos isentos deste encargo, são eles:

  • proprietários de veículos terrestres com mais de 20 anos de fabricação;
  • taxistas autônomos (táxis pertencentes a frotas pagam o imposto);
  • veículos de sindicatos de trabalhadores, consulados, entidades assistenciais e igrejas;
  • veículos adaptados especialmente para deficientes físicos;
  • veículos utilizados para o transporte urbano e máquinas agrícolas;
  • aeronaves e embarcações fabricadas a mais de 30 anos.

 

Sou obrigado a pagar o seguro obrigatório? Qual é a utilidade?

O Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por veículos automotores em Vias Terrestres – DPVAT – é obrigatório, por determinação da Lei 6.194/74 de 1974. O seguro tem como objetivo garantir às vítimas de acidentes causados por veículos, ou por suas cargas, indenizações em caso de invalidez permanente ou morte, e o reembolso de despesas médicas. As indenizações do DPVAT são pagas independentemente de apuração de culpa.

O não pagamento deste seguro não resulta em multas ou encargos, porém ele está diretamente ligado ao licenciamento do veículo. Um veículo sem DPVAT é um veículo sem licenciamento.

Clique aqui e solicite agora uma cotação de Seguro Auto

Clique aqui e solicite agora uma cotação de Seguro Auto

error: Content is protected !!